Como dar nome aos acordes - Parte 1 - Pt 2

Aprenda a cifrar qualquer acorde - Pt 2

Nosso primeiro objetivo agora será montar o acorde Dm7. Para isso, acrescentaremos uma nota ao acorde de Dm, que é o sétimo grau menor (a nota dó, nesse caso). Ok, agora precisamos saber onde há alguma nota C que possamos pegar para acrescentar ao acorde de Dm. Veja abaixo onde estão as notas dó no braço do violão:

 

 

 

 


 

 

Note como é muito difícil acrescentar a nota C ao acorde Dm sem modificar o seu desenho. Por outro lado, podemos utilizar aquele dó que está bem próximo do acorde Dm:

 

 

 

 

 

 

 

Para isso, precisamos retirar a nota Ré (pois ela está "na frente" dele ali no braço, ocupando o lugar dele naquela corda). Assim ficaríamos com o acorde:

 

           

 

 


 

 

 

 

Há algum problema em retirar essa nota Ré, como fizemos? Não, pois já existe outro Ré nesse acorde; nós retiramos apenas um Ré que estava "sobrando". 


No violão, isso é muito comum, pois praticamente todos os acordes naturais que formamos possuem alguma nota que está "dobrada", ou seja, aparecendo mais de uma vez. 


Do ponto de vista de nomenclatura, nada se altera quando se retira uma nota que está sendo repetida. Inclusive dá para se escolher qual nota queremos "dobrar", formando acordes distintos em sonoridade, mas com o mesmo nome.
 

notas do violao
nota C acorde Dm7
acorde Dm7, re

Página Anterior

Continua